segunda-feira, 14 de setembro de 2009

PEDIDO DE PERDÃO

Não há nada pior do que o ciúme para estragar um relacionamento. Acho inclusive o ciúme tão maléfico quanto a traição, pois ambos afetam diretamente o fato de acreditar ou não na pessoa amada, embora no caso da traição a pessoa se sente enganada pela outra e portanto deixa de lhe confiar e no caso do ciúme a pessoa se sente ultrajada por não ter a confiança de quem se ama. Aliás, ciúme na maioria das vezes é falta de insegurança, falta de confiança em si mesmo, portanto não passa de um pobre infeliz. E foi pensando no ciúme que me escaparam os versos abaixo.

Quando se ama um amor sem razão
Nossos atos beiram à loucura
Num desatino do coração
Como se a realidade fosse nuvem escura

E por te amar assim
Cometi atos de insanidade
O quais me levaram enfim
À dor e à saudade

Meus olhos chovem a todo momento
Lágrimas que me custam caro demais
E tomado pelo arrependimento
Vejo do que o ciúme é capaz.

Assim, suporto as noites e os dias
Com a certeza no peito
De que por mais que tua alma esteja fria
Hás de perdoar-me o malfeito

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário